12:38

Mais um. E menos um.

Postado por Ana C. |

Quando eu voltar a ser menina quero, novamente, esperar ansiosa pelo azul mês de dezembro.
Andar descalça no barro, tomar água da chuva e vibrar com as tempestades.
Querer ir até o final do arco-íris, ver o duende barbudo que guarda um pote cheio de ouro, e achar que os adultos são é muito sonsos de nunca terem se aventurado até esse final.
Aprender que amor é pão feito em casa, que a diferença está nos mínimos gestos, que é melhor ser alegre que ser triste, que saudade dói mas passa.
E que depois vem outra.
Discutir com quem quiser - e provar - que Tio Patinhas é mais legal que o Chico Bento.
Segredos sussurados no vento, relâmpagos iluminando a noite sem lua e estrelas que despencam (que um dia não cairão mais).
Ter medo da boneca da Xuxa que vinha com um punhal dentro.
Chorar profunda e sentidamente quando a estrela quebrar, ou quando a boneca querida rasgar. (Algumas dores doem mais que as outras.)
Comer pitanga direto da árvore e depois ver nascer um novo pé de uma semente mal jogada, e me cativar para sempre.
Mais uma vez o espanto e deslumbramento das primeiras coisas, grandes e pequenas, e o saber que ainda há muito mais por vir.
Voltar a enxergar coisas que depois a vista não alcança mais.
E depois de tudo, quando eu voltar a ser menina, quero, novamente, acreditar que quando eu encontrar o poeta... ele também irá gostar de mim.

5 comentários:

Renan disse...

tava pesquisando sobre Guarapuava e encontrei seu blog,
voce escreve muito bem, gostei mesmo!

Paulinha Fernandes disse...

Que lindo, Ana! Amei!

Anônimo disse...

muito bom, como sempre.
ainda meio gay, como você diz, mas eu gostei
:)

Anônimo disse...

a infancia faz tão bem que só sabemos depois que crescemos...a idade da consciencia fria é uma m****. E somos avisados , mais preferimos rasgar o ingresso pra terra do nunca.

Hélvio Mariano disse...

Ficou legal a cara nova do seu blog..e quando eu voltar a ser menino..vou ser goleiro...dos bons.